Moçambique é pais dos Palops com mais mortes por Covid-19

SAÚDE SOCIEDADE

De acordo com Organização Mundial da Saúde (OMS), a covid-19 já matou mais de 2 milhões de pessoas e o número de pessoas infectadas caminha a passos largos de atingir os 120 milhões. Nos Países Africanos de Língua Oficial Portuguesa, Moçambique é o país com maior percentagem de óbitos.

A recentes estatísticas do Centro de Recursos do Coronavírus da Universidade de Johns Hopkins revelam que o nível da mortalidade é portanto de 2,2% dos casos à escala mundial.

Até a actualização referente ao dia 14 de Março corrente, Moçambique tinha uma percentagem de 1,1%, uma vez que contabilizava um total de 722 mortes num universo de 64296 infectados.

Por sua vez, Angola registou até ao momento 520 óbitos em 21.3223 casos com um nível de mortalidade de 2,4%. O São Tomé e Príncipe de 32 mortes em 2078 casos (1,5% de mortalidade) fecha o pódio.

Cabo Verde e Guine – Bissau encontram-se na cauda. Se por um lado o país localizado no arquipélago vulcânico tem 16.036 casos e 156 mortes (0,97% de mortalidade), por outro, Guiné Bissau regista 3.436 com 52 mortes (1,5% de mortalidade).

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *