Pelo 13º mês consecutivo Moçambique índice de actividade empresarial negativo

DESTAQUE ECONOMIA

Apesar de ter subido para 49,1 pontos, recuperando… em comparação com o primeiro mês do ano em curso, de acordo com Índice de Poder de Compras das Empresas (IPM) da Standard Bank, as actividades empresariais em Moçambique mantiveram-se no terreno negativo pelo 13º mês seguido.

“Os dados do último inquérito do PMI continuaram a mostrar um declínio ligeiro nas condições de operação em Moçambique no mês de março, resultado das reduções na produção, novas encomendas e emprego, refere o mais recente relatório da Standard Bank para depois acrescentar que “a escassez de matérias-primas e os atrasos nos envios reduziram o ritmo da melhoria dos prazos de entrega e provocaram um aumento moderado nos preços dos meios de produção” e assinala que “as empresas transferiram estes custos para os seus clientes”.

Índice de Poder de Compras das Empresas dedica-se a medição das actividades empresariais. Se os valores estiverem abaixo dos 50 é um sinal de degradação das condições empresarias. Para o caso de Moçambique, a Standard Bank observa que a tendência tem vindo a melhorar desde o segundo trimestre do ano passado. “Os 49,1 pontos de Moçambique no principal indicador do PMI em Março representam a décima terceira descida no mesmo número de meses”.

Por outro lado, o IPM do Standard Bank observa que, tal como aconteceu nos primeiros dois meses do ano, ou seja, entre Janeiro e Fevereiro, em Março, o sector privado viu-se obrigado a reduzir o efectivo no seu quadro pessoal, tendo o nível de desemprego ter descido para o nível mais baixo dos últimos sete meses.

Aquela instituição bancária aponta igualmente que, apesar do actual cenário, as empresas apresentaram mais uma visão optimista sobre o crescimento da actividade futura

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *