INAE assume que há padarias que aumentaram o preço do pão

DESTAQUE ECONOMIA SOCIEDADE

Devido a subida da matéria prima, a Associação Moçambicana dos Panificadores veio ao terreno anunciar o agravamento do preço do pão a partir do 01 de Abril em curso, todavia, esta pretensão foi travado pelo Executivo. Entretanto, a Inspeção Nacional das Actividades Econômicas (INAE) constatou que há padarias e revendedores que continuam a especular o preço do pão.

Para travar esta onda de especulações em torno daquele produto imprescindível nas famílias moçambicanas, o porta – voz da INAE, Verónio Duvane, disse que a instituição que chancela as actividades econômicas em Moçambique está no terreno para repor o preço normal do produto.

“Temos de referir que existe, um pouco por todo o país, a especulação do preço do pão. Nessa empreitada, os panificadores usam artimanhas, tanto que chegam a reduzir o peso do pão e manter o preço em vigor”, explicou Duvane.

Continuando com o seu trabalho de caçar os empreendimentos comerciais que pontapeiam as medidas de prevenção da covid-19, a Inspeção Nacional das Actividades Econômicas encerrou 54 unidades comerciais.

“Para além do encerramento destes estabelecimentos comerciais, constatou-se, no período em análise, que havia ginásios que funcionavam clandestinamente, com a maioria dos casos na cidade de Maputo”, afirmou

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *