Covid-19: MISAU confirma casos de variante indiana na província de Tete

DESTAQUE SAÚDE SOCIEDADE

Por falta de laboratórios para testar as amostras dos casos do novo coronavírus, Moçambique enviou as amostras para a vizinha África a fim de serem testadas para a variante Delta, sobejamente conhecida por variante indiana. Na segunda-feira, 21 de Junho, o ministro da saúde, Armindo Tiago, confirmou que a ascendência já foi detectada na zona centro do país, ou seja, na província de Tete.

O titular da pasta da Saúde alertou para o fortalecimento das medidas de prevenção contra a covid-19, uma vez que a variante Delta tem altos níveis de transmissibilidade.

“A situação na província de Tete é deveras preocupante e, é nesta província onde nós, também, já detectamos o primeiro caso da variante Delta que é mais transmissível de acordo com as experiências de outros países. Tete caminha, a passos largos, para uma situação de transmissão grave e disseminada a nível da comunidade”, revelou Armindo Tiago, ministro da Saúde.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *