Standard Bank garante que vai continuar e tranquiliza os seus clientes

ECONOMIA

Depois do comunicado do Banco de Moçambique que dava conta da suspensão do Standard da actividade cambial e conversão de divisas por um período de até um ano e uma multa que ronda dos 290 milhões de meticais, a instituição bancária, considerada como um dos maiores serviços financeiros da África do Sul, garantiu que tem um plano para continuar activo em Moçambique.

Reagindo ao comunicado do Banco Central, o Standard Bank anunciou que vai continuar a dialogar e a trabalhar com o Banco de Moçambique com vista a esclarecer todas alegações sobre a sua suspensão do mercado cambial e salvaguardar os interesses dos clientes e todas as partes interessadas.

“O Standard Bank dispõe de um plano claro de continuidade de negócios, tanto que já nomeou um administrador-delegado interino desde que este processo se iniciou. As suas operações diárias não relacionadas com este processo não estão afetadas e continuam a decorrer com normalidade”, escreve o Standard Bank

Por outro lado, àquela instituição mostrou-se comprometida “em fazer negócios de forma ética e responsável. Os seus processos de governance e conformidade são rigorosos, pois a sua reputação é um seu activo valioso”

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *