Netos honram legado de Samora Machel com um espaço reservado às flores que nunca murcham

DESTAQUE SOCIEDADE

Com o objectivo de celebrar a vida do primeiro Presidente de Moçambique, no quadro da passagem dos 35 anos da Tragédia de Mbuzini, os netos de Samora Machel farão, este sábado, entrega de um espaço denominado Ka Samorane às crianças, autoridades e comunidades do bairro Polana Caniço, arredores da cidade Maputo. A cerimónia será antecedida de uma deposição de flores na cripta da Praça do Herois onde jazem os restos mortais do seu avô.

Neila Sitoe

O espaço Ka Samorane localiza-se na Rua Carlos Cardoso e pretende-se através deste rememorar o período da infância de Samora Machel, bem como os valores que ele promoveu ao longo da sua vida, proporcionando um local de alegria e vida inspirados no amor de Samora pelas crianças, que as tinha como flores que nunca murcham.

Pretende-se também conduzir a reflexão sobre o direito à cidade e sobre a importância dos espaços públicos verdes como local de encontro e de convívio intergeracional, assim como a necessidade de construir uma cidade à escala humana, pensada e construída para os seus cidadãos exercerem em pleno a sua cidadania.

Para a construção deste espaço verde público que valoriza e embeleza o icónico bairro Polana Caniço, oferecendo jogos e actividades para os mais jovens, juntaram-se à família a Associação UMUNTHO, a empresa social Casa Minha Lda e o Município de Maputo.

A cerimónia de entrega do espaço compreendera dois momentos, o primeiro será da deposição de flores na Cripta de Samora Machel na Praça dos Heróis Moçambicanos a partir das 08:45 e o segundo a entrega do espaço Ka Samorene, a partir das 10:00 horas, que compreendera a intervenção das autoridades, dos familiares e por fim o momento cultural.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *