Tempestade Tropical “ANA” mata administrador de Tete

DESTAQUE POLÍTICA SOCIEDADE

Subiu para sete o número de mortes causados pela tempestade tropical Ana. Foi, nas primeiras horas desta quarta-feira, 26 de Janeiro, encontrado sem vida o Administrador de Tete, José Maria Mandere, após ter sido arrastado pela corrente de água quando a comitiva do Governador de Tete, Domingos Viola, regressava de um trabalho de fiscalização sobre o ponto de situação dos estrados causados pela passagem tempestade tropical.

De acordo com o Governador de Tete, além José Maria Mandere, outros quadros que faziam parte da sua delegação foram arrastados pela corrente de água.  “Fizemos trabalhos no momento e conseguimos resgatar maior parte dos ocupantes das viaturas. O cenário é triste, a ponte sobre o rio Revúbuè desabou, temos mais de duas mil pessoas que sofreram pelas inundações”.

Nesta quarta-feira – feira, 26 de Janeiro, uma equipa de resgate foi destacada para o terreno, mas apenas conseguiram resgatar um jornalista da Rádio Moçambique que acompanhava a comitiva, tendo encontrado o Administrador de Tete sem vida.

Importa referir que balanços preliminares apontam que a passagem da tempestade tropical “ANA”, além de ter deixado um rasto de destruição sem precedentes, matou até nas primeiras horas de hoje sete pessoas.

Leave a Reply

Your email address will not be published.