EDM financia remoção de cataratas para 500 pacientes

DESTAQUE SAÚDE SOCIEDADE

No âmbito da sua responsabilidade social, a Electricidade de Moçambique (EDM) assinou, em Dezembro do ano passado, um memorando de entendimento com o Ministério da Saúde (MISAU), por meio do qual a EDM disponibilizou uma verba a rondar os três milhões de meticais que seria destinada para a compra do material médico cirúrgico para a remoção de cataratas.  As sete primeiras das 500 cirurgias oferecidas pela EDM ao MISAU foram realizadas nesta quarta-feira, 01 de Março, no Hospital Geral de Mavalane.

Na qualidade de Directora de Comunicação e Relações Institucionais da Electricidade de Moçambique, Stélia Neta, testemunhou o pontapé de saída das cirurgias que pretendem devolver a visão a 500 pessoas, tendo feito a analogia à operação da EDM que “é de dar luz a quem vive na escuridão”.

“Esta iniciativa solidária vai iluminar a vida de muitos moçambicanos para, juntos, continuarmos o trajecto de transformação e crescimento do país”, disse Neta.

Cornélia Tomo, Médica Oftalmologista do HGM, foi parca nas palavras para descrever o gesto da Electricidade de Moçambique no âmbito da sua responsabilidade social.

“Graças à EDM, vamos devolver a visão, aqui nesta unidade hospitalar, a 45 pacientes, priorizando pacientes de terceira idade, com deficiência física ou outros aspectos clínicos relevantes para o efeito”.

A vida de Elisa Mandlate já não será a mesma depois da operação para a remoção da catarata num dos olhos. Visivelmente feliz, Mandlate garantiu que voltará a rotina normal.

“ Devolveram-me à vida e estou muito feliz. Quando começou esta doença, parei de ir à machamba, o que fazia parte de mim. Com a minha visão restaurada, voltarei à machamba e à minha rotina normal”, disse.

Por sua vez, Deolinda Francisco, outra beneficiária do tratamento, referiu que tudo começou com um inchaço do seu olho direito. Vários anos se passaram à espera da intervenção cirúrgica e só hoje é que foi possível realizá-la.

“Sinto-me muito feliz e muito agradeço a todos que contribuíram para que eu voltasse a ver”. Com esta iniciativa a EDM demonstra a sua preocupação com as necessidades da sociedade e reforça a sua ligação com os moçambicanos.

Refira-se que, de acordo com a sua política de responsabilidade social, a EDM, que é o braço empresarial do Governo no sector energético e líder no negócio de energia eléctrica na Região da África Austral, está comprometida não apenas a levar energia de qualidade, mas também desenvolver acções solidárias que sejam, sobretudo, positivas, úteis e necessárias.

Facebook Comments

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *