Site icon

Comissão Política acrescenta nomes de Esperança Bias e Francisco Mucanheia à lista

A situação continua tensa na Escola Central da Frelimo com Filipe Nyusi a entrar em modo desespero. Esta manhã, depois do impasse de ontem, a Comissão Política reuniu e acrescentou os nomes de Esperança Bias e Francisco Mucanheia como pré-candidatos à candidato da Frelimo para as eleições de 09 de Outubro.

Depois de concordar com o pedido do Comité Central de aumentar dois nomes na “short list”, a Comissão Política da Frelimo foi acrescentar Francisco Mucanheia e Esperança Bias, para juntar-se a Roque Silva, Damião José e Daniel Chapo. E, mais uma vez, as reações no seio dos membros Comité Central sugerem o pronúncio de barulho.

Esperança Bias é cunhada de Nyusi e Mucanheia é um dos seus meninos de recados, pelo que acredita-se que a inclusão destes nomes seja no esforço de a todo custo colocar Roque Silva no poder, que, de acordo com fontes do Evidências, soube a menos de uma semana que seria proposto.

Os contornos de sucessão, com Nyusi a ser reativo do que ágil, confirmam o que vinha ser visto como suspeita: Nyusi não estava preparado para deixar o poder, pois ao meter estes nomes está a validar a candidatura de sua preferência.

Acredita-se que os membros do Comitê Central, desde sexta-feira envolvidos numa missão verdadeiramente patriótica ao tentarem salvar o partido e os moçambicanos de uma agenda individual de Filipe Nyusi, possam chumbar novamente a lista agora apresentada e propor os seus nomes .

Recorde-se que ontem os membros do Comitê Central chegaram a ameaçar Nyusi com uma moção de censura e dissolução da Comissão Política, o que levou-o a abrir espaço para mais dois nomes, mas, para o espanto de todos, ignorou as sugestões do CC e impôs mais dois nomes da sua confiança, depois de ontem, ter tentado sem sucesso introduzir os nomes de Cristóvão Chume e Judite Mussacula.

Em actualização.

Exit mobile version