David Simango condenado a um ano e meio de prisão convertido em multa

DESTAQUE POLÍTICA

O antigo Edil de Maputo, David Simango foi condenado, esta quarta-feira, pela quarta Secção do Tribunal Judicial do Distrito Municipal de Ka Mpfumo, a uma pena de um ano e seis meses de prisão e 15 meses de multa a taxa diária de um salário mínimo, na sequência do julgamento que iniciou no dia 21 de Maio de 2021.

O mesmo respondia no processo n° 61/GCCC/2017, acusado no mês de Março de 2020, pelos crimes de Aceitação de Oferecimento ou Promessa e Abuso de Cargo e Função.

A sentença foi proferida esta quarta-feira, tendo o réu sido condenado a pena de um ano e seis meses de prisão e 15 meses de multa a taxa diária de um salário mínimo. A pena de prisão foi convertida em multa.

O apartamento T3, apreendido no âmbito do processo, sito no prédio 24 de julho, 5 andar, avaliado em 457.042,50 USD foi declarado perdido a favor do Estado, assim como o valor de 120.000,00MT provenientes das rendas do mesmo.

David Simango recebeu o apartamento em 2013, através de sua esposa, como contrapartida da sua intervenção em favorecimento da sociedade Episilon Investimentos SA, no processo de construção do edifício 24 de Julho.